Agora sou eu

Escrevo este texto na véspera do mais velho ir para a escola oficial, a escola a sério. As aulas estão aí e com ela uma série de ritmos e rotinas que vão adaptar-se às nossas vidas. Depois de conhecer horários e testar percursos e tudo isso, logo se vê onde podemos encaixar a ginástica, o ginásio, a piscina ou a música. Se der.

Mas agora sou eu.

É o que dá vontade de dizer.

Depois da fase bebé (roupa largueirona e de trazer por casa, mesmo que seja para o trabalho) (…) e da fase um pouco menos bebé mas ainda não durmo nada de jeito, atingi a fase agora sou eu.

malin-koort

Agora sou eu que quero tomar um pequeno almoço menos manhoso, ou calórico, ou a despachar. Descobri as maravilhas de um batido (smoothie não é para mim 😉 ) de banana da Madeira + sementes de linhaça + kefir (uma coisa nhanhosa que parece uma couve flor mas que alegadamente faz milagres à flora intestinal) + aveia + café solúvel (quando calha) + leite. É rápido, é bom, é saudável e estou arrumada. Adeus torrada pesadona.

Agora sou eu que quero usar máscara nas pestanas e, quiçá, eyeliner também (doidaaa!).

Agora sou eu que quero experimentar umas cores nos lábios ou olhos, diferentes para não enjoar.

Agora sou eu que quero fazer os meus exercícios hipopressivos de novo, em jejum, todas as manhãs, que os quilos do mais novo e as reiteradas contracturas musculares não perdoam (e a barriga também não) (buahahahaha).

Agora sou eu que vou dar uso às roupas que esperam há anos no armário por dias melhores, nem que tenha de virar digital e instalar uma app para me ajudar.

Agora sou eu que vou ver como se vestem as estilosas para me inspirar no momento de conjugar os trapos.

Agora sou eu que vou tratar do meu cabelo para ficar com uma corzita mais luminosa e um corte mais fixe.

Agora sou eu que vou tirar um tempinho para mim para (tentar) ler uns livros (nem que sejam para saber gerir conflitos de irmãos…).

Agora sou eu que vou (tentar) agendar uns fins de semana porreiraços para ir em duo ou quinteto ou qualquer formação in between (se a avó permitir).

Agora sou eu que vou investir mais na minha paz de espírito, com leituras ou actividades que me elevem o dito (espírito, leia-se) (…).

Agora sou eu que vou (tentar) aparecer em espectáculos ou manifestações culturais, que tanta falta me têm feito.

Agora sou eu que vou investir em mim, que já está mais do que na hora, pá!

 

(Decidi manifestar-me publicamente na esperança de que isso possa dar-me um empurrão, comprometendo-me com estas cenas online. Mas estou já a ver o filme – começa o ano lectivo, como sou uma coruja inveterada vou fritar ao fim de uma semana a acordar cedo e a achar que deitar antes da meia noite é para fracos. Vou andar numa roda viva e num berreiro matinal e a meia hora para me arranjar de manhã vai logo p’ro galheiro com as boas intenções de exercício físico ou de estilo. Ou isso ou os putos ficam vão para a escola em jejum e com as meias trocadas. Mas que se lixe, pode ser que este ano seja diferente. Assim como assim agora sou eu)

melro

Se não conhecem, passam a saber que o Mãegazine é um site do camandro, mas o melhor é seguir por mail, Facebook ou Pinterest, que a cena é irregular. A gerência agradece.

 

Anúncios

2 comentários sobre “Agora sou eu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s